domingo, 8 de agosto de 2010

"Ao nosso Pai" o "Pai Nosso"

Pai Nosso é uma prece poética e profunda. Reconhece Deus como um Pai e não um juiz. Clama para que o reino do Amor se faça entre todos e dentro de nós. Registra a submissão da nossa vontade, que é pautada em desejos imediatistas e visão parcial da realidade à vontade Divina, que promove a nossa evolução e conhece nossas estradas. Roga para que nosso corpo tenha o sustento, essencial para a vida na Terra. Pede que nos perdoemos mutuamente, para que o amor, pão espiritual,  possa vencer sempre e a vingança não prevaleça. E finalmente, que nos libertemos de nossas fraquezas que nos levam às más escolhas, que sempre nos prejudicam. Por isso podemos dizer que é uma prece completa. De que mais precisamos neste mundo? A prece em versos, escrita por Monsenhor José Silvério Horta, através da psicografia de Chico Xavier, é um hino em homenagem ao "Pai Nosso". A interpretação de Emmanuel é igualmente bela e dá um sentido novo às palavras que repetimos muitas vezes de modo mecânico quando oramos. Que o "Pai Nosso" em suas diversas formas, nos sintonize cada vez mais com "Nosso Pai".


Pai Nosso que estais nos Céus
Na luz dos sóis infinitos,
Pai de todos os aflitos
Neste mundo de escarcéus.
 
Santificado Senhor,
Seja o teu nome sublime,
Que em todo Universo exprime
Concórdia, ternura e amor.
 
Venha ao nosso coração,
O teu reino de bondade,
De paz e de claridade
Na estrada redenção.
 
Cumpra-se o teu mandamento
Que não vacila e nem erra,
Nos Céus como em toda a Terra
De luta e de sofrimento.
 
Evita-nos todo o mal,
Dá-nos o pão no caminho,
Feito de luz, no carinho
Do pão espiritual.
 
Perdoa-nos, meu Senhor,
Os débitos tenebrosos,
De passados escabrosos,
De iniquidade e de dor.
Auxilia-nos também,
Nos sentimentos cristãos,
A amar nossos irmãos
Que vivem longe do bem.
 
Com a proteção de Jesus
Livra a nossa alma do erro,
Neste mundo de desterro,
Distante da Vossa luz.
 
Que a nossa ideal igreja,
Seja o altar da caridade,
Onde se faça a vontade
Do Vosso Amor... Assim seja
 
Por Monsenhor José Silvério Horta, Psicografia de Francisco Xavier:

Nosso Pai,
Que estás em toda parte;
Santificado seja o Teu nome, no louvor de todas as criaturas;
Venha a nós o Teu reino de amor e sabedoria;
Seja feita a Tua vontade, acima de nossos desejos;
Tanto na Terra, quanto nos círculos espirituais
O pão nosso da mente e do corpo dá-nos hoje;
 
Perdoa as nossas dívidas, ensinando-nos a perdoar
nossos devedores com esquecimento de todo mal;
Não permitas que venhamos a cair sob os golpes da tentação
de nossa própria inferioridade;
livra-nos do mal que ainda reside em nós mesmos;
Porque só em Ti brilha a luz eterna do reino e do poder,
da glória e da paz,
da justiça e do amor
para sempre

Assim Seja!

Fonte Viva - Emmanuel/ Chico Xavier 

NANDO DO CORDEL CANTA PAI NOSSO (3º CONGRESSO ESPÍRITA BRASILEIRO)
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...